Destaque 1

Destaque 1
0

Camponeses moçambicanos derrotam o agronegócio transnacional brasileiro

Os empresários do agronegócio do sul se parecem com os do norte: eles sonham com lucros fáceis cultivando culturas comerciais em detrimento da agricultura familiar. Assim nasceu o projeto ProSavana, que une o Japão e o Brasil a Moçambique. Entretanto, a inédita resistência de camponeses dos três Estados conseguiu interromper a operação que não passa de um projeto de grilagem disfarçado de desenvolvimento. Por Stefano Liberti, do Le Monde Diplomatique Brasil* Nakarari, aldeia perdida no meio…

Destaque 1
0

Foro de São Paulo: O intelectual tem que ser um combatente

No Palácio de Convenções de Havana durante o XXIV Encontro do Foro de São Paulo, de 15 a 17 de julho, foram debatidas as problemáticas culturais da região e os novos mecanismos de guerra de que são vítimas os países latino-americanos. Yerelys Gil Cuervo* O debate abordou a difícil e definitiva batalha cultural que trava a esquerda socialista e a necessidade de reencontrar o saber da História na tradição dos povos, nas culturas autóctones e…

Destaque 1
0

O recurso do terror contra indocumentados nos EUA: dar asas aos racistas

Algo mudou do governo do Obama para o de Trump e foi o recurso do terror contra indocumentados nos EUA; o palavreado fascista e machista de Trump deu asas aos racistas que não são apenas os caucasianos, mas todo aquele que se crê superior: e aí entram asiáticos, negros endinheirados, europeus, latino-americanos direitistas, fascistas em geral. Ilka Oliva Corado* Nos Estados Unidos não é novo o tema do racismo nem o da xenofobia; dizem os…

Destaque 1
0

Grevistas de fome são recebidos por ministro Lewandowski no STF

Pressão dos militantes é para que Supremo dê agilidade às ADCs 43 e 44, que tratam da prisão após segunda instância. Cristiane Sampaio, da Brasil de Fato Os sete militantes de movimentos populares que estão em greve de fome em Brasília (DF) foram recebidos, na tarde desta quinta-feira (9), pelo ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF). A audiência se deu após solicitação dos militantes que, na última terça-feira (7), enviaram ofício a cada um…

Destaque 1
0

Pepe Escobar: 50 anos de guerra comercial entre EUA e China?

Foi muito mais que um primeiro tiro, à meia-noite, em 6 de julho; pode marcar o início de uma terrível guerra comercial. A queda de braços de tarifas entre EUA e China deve ser vista no contexto de grande virada no Grande Quadro geopolítico e econômico. Por Pepe Escobar, em Outras Palavras O jogo de passar adiante as culpas, e todos os tipos de cenários de especulação de como pode evoluir a disputa de tarifas, são…

Destaque 1
3

Tropas de Israel vigiam fronteira entre Argentina, Brasil e Paraguai

Quatro lanchas artilhadas Shalgag MKII, com tripulação e assessores israelenses, estão desde domingo, 5 de agosto, em Posadas, capital de Missiones, no norte da Argentina, situada na chamada Tríplice Fronteira, com Brasil e Paraguai, com a missão de patrulhar cerca de mil quilômetros nas águas dos rios Paraguai e Paraná. O plano de militarização estrangeira na Argentina é o mais importante que se conhece na história do país e é de responsabilidade do governo Macri,…

Destaque 1
0

“Só uma elite corrompida, rebaixada e imbecilizada pode abrir mão da Petrobras”

“Na nova ordem mundial do petróleo, só uma elite inteiramente corrompida e rebaixada, do ponto de vista moral, e completamente imbecilizada, do ponto de vista intelectual, pode abrir mão do controle estatal de seus recursos energéticos nacionais já conquistados”. Por José Luís Fiori, Carta Maior* Nas duas últimas décadas do século passado, a Guerra Irã-Iraque, entre 1980 e 1988, a Guerra do Golfo, entre 1990 e 1991, e o fim da URSS, em 1991, atingiram em…

Destaque 1
0

Diante da escassez de votos, Macri apela à repressão militar

Decisão encerra um consenso democrático alcançado em 1983, após a longa noite da ditadura civil-militar genocida instaurada em março de 1976, e apaga a barreira entre a segurança interior e a defesa nacional. Por Rubén Armendáriz, do Carta Maior* Embora esteja legalmente proibido desde o retorno da democracia na Argentina, as Forças Armadas argentinas voltarão a atuar em “assuntos estratégicos” de segurança interior, por decisão do presidente Maurício Macri, em resposta aos cada vez mais presentes…

Destaque 1
0

Boaventura de Sousa Santos: Os conceitos que nos faltam

Direitos Humanos, Democracia, Paz e Progresso terão se transformado em biombos para ocultar um mundo cada vez mais desigual, violento e alienado? Mas como superá-los? Por Boaventura de Sousa Santos | Imagem: Linda Ramsay, Homem, Lua, Binóculos Os seres humanos, ao contrário dos pássaros, voam com raízes. Parte das raízes estão nos conceitos que herdamos para analisar ou avaliar o mundo em que vivemos. Sem eles, o mundo pareceria caótico, uma incógnita perigosa, uma ameaça desconhecida, uma jornada insondável.…

Destaque 1
4

Educação no Brasil: Bolsonaro para os pobres, Paulo Freire para os ricos

A elite brasileira, que adora odiar Freire, compra a peso de ouro para seus filhos o ingresso em colégios influenciados por ele. Aos filhos dos pobres, resta a disciplina escolar do século XIX.

Destaque 1
0

Intoxicação por agrotóxicos atinge escolas e envenena crianças em zonas rurais

Human Rights Watch alerta para os perigos da pulverização irregular em áreas próximas a população. Segundo a legislação brasileira, a pulverização aérea de agrotóxicos deve ocorrer a 500 metros de povoações, cidades, bairros e áreas de mananciais de captação de água para abastecimento. Mas esta regra é frequentemente ignorada.

Destaque 1
0

Acesso à informação sobre o aborto legal ainda é limitado no Brasil

Apesar do aborto legal ser um direito das mulheres, ele é pouco divulgado e esbarra em preconceito, falta de informação e até maus tratos de profissionais da saúde que atendem as pacientes. A campanha ”Legal e Seguro” é uma tentativa de ampliar o debate sobre o aborto e assegurar que o direito da mulher seja cumprido nos casos permitidos pela legislação.

Destaque 1
0

Jovem palestina Ahed Tamimi é libertada, após oito meses em uma prisão israelense

Após oito meses de prisão, por agressão a um soldado israelense, a jovem palestina saiu da prisão. Amnistia Internacional congratula-se com a libertação, mas chama a atenção para a detenção arbitrária de crianças palestinas por parte de Israel.

Destaque 1
0

Corte Suprema do Paraguai faz Justiça e liberta os camponeses de Curuguaty

Em decisão histórica contra a mentira institucionalizada pelo latifúndio e pelas transnacionais do agronegócio, a Sala Penal da Corte Suprema de Justiça do Paraguai absolveu nesta quinta-feira (26) os camponeses acusados pelo massacre de Curuguaty. Leonardo Wexell Severo*

Destaque 1
0

Unasul: Ascensão e queda da América do Sul

Ainda que o ataque à Unasul não signifique seu fim, ele não deixa de ser um indicativo de que existem motivações claramente políticas por trás da posição tomada pelos seis países que decidiram suspender sua participação.

Destaque 1
0

A entrega da Embraer: uma (má) novela geopolítica

Por que, afinal, o atual governo brasileiro é tão incapaz de agir de modo minimamente comprometido com o interesse nacional? Esperemos que as eleições presidenciais restabeleçam a democracia no Brasil e que a entrega da Embraer – e tantos outros absurdos deste desgoverno – seja desfeita.

Destaque 1
0

Xenofobia e migração: os africanos são europeus só para o futebol

Inglaterra, França e Bélgica, três das quatro nações semifinalistas da Copa do Mundo da Rússia, têm em seus elencos uma grande quantidade jogadores de ascendência africana, mais um aspecto do legado do colonialismo e da imigração, que revela uma história que continua vigente, no ritmo da xenofobia e da discriminação.

Destaque 1
0

México, um passo à esquerda e com esperanças em López Obrador

O México vive uma nova etapa de sua rica história. Hoje são tempos de celebração, mas se advêm outros difíceis numa nação que é referência para todo um continente. López Obrador chegará à presidência com um amplo colchão de reconhecimento, referendado também pelo avanço do Movimento de Regeneração Nacional (Morena), do qual é líder e fundador.

Destaque 1
1

Lenços verdes: cifra de mulheres mortas por abortos clandestinos exige novas leis

As mulheres argentinas marcaram um “já basta” em um dos temas mais sensíveis e controvertidos para as sociedades latino-americanas: o direito à interrupção voluntária da gravidez, impulsionado pela Campanha Nacional pelo Direito ao Aborto Legal, Seguro e Gratuito contra o aborto clandestino.

Destaque 1
0

Nova Constituição de Cuba ressalta socialismo e prevê união entre pessoas do mesmo sexo

O Parlamento cubano aprovou, neste domingo (22), o projeto de Constituição para substituir a Carta Magna vigente no país desde 1976. Entre as principais mudanças estão a liberação de propriedades privadas e a união entre pessoas do mesmo sexo.

Destaque 1
0

Condenados em protestos de 2013 denunciam criminalização de mobilizações populares

Oito dos 23 militantes políticos condenados à prisão esta semana pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) pelos protestos realizados em 2013 e 2014 contra os gastos com a Copa do Mundo concederam uma coletiva de imprensa no Sindicato dos Profissionais da Educação do Estado do Rio de Janeiro (SEPE), nesta quinta-feira (19) no centro do Rio. Jaqueline Deister, no Brasil de Fato | Rio de Janeiro (RJ)Entre os militantes presentes estavam estudantes…

Destaque 1
0

Notas de conjuntura pré-campanha eleitoral: uma visão à esquerda

A esquerda mais à esquerda terá tanta chance de influenciar nos acontecimentos quanto mais força social e organização de base devidamente articulada e fazendo sentido com a maioria, estes setores puderem incidir. A campanha eleitoral formal ainda não começou, mas a luta antifascista não espera soar o gongo para entrar no ringue.

Destaque 1
1

Pretexto para invadir? “Humanitários” Capacetes Brancos se acercam da Venezuela

Os chamados Capacetes Brancos, com uma fama inventada de ajuda humanitária, chegaram às cidades colombianas de Cúcuta e Maicao, na fronteira com a Venezuela, preâmbulo segundo analistas para incriminar o país bolivariano e tentar justificar uma invasão.

Destaque 1
0

México volta à sua tradição plebeia e tenta construir nova hegemonia popular

Em 1º de julho, foram realizadas eleições históricas no México, onde um projeto com raízes de esquerda e do nacionalismo popular ganhou as eleições. Andrés Manuel López Obrador, conhecido também pela sigla AMLO, candidato do partido Morena (Movimento Regeneração Nacional) e da coalizão Juntos Faremos História, ganhou as eleições com mais de 30 milhões de votos, o que representa 53% dos votos válidos – a maior votação que um candidato presidencial obteve nesse país norte-americano.

Destaque 1
6

Plano de Mestre dos EUA contra a Venezuela se fecha e militarismo aumenta na região

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, mantém desde agosto de 2017 a obsessiva intenção de invadir a Venezuela, como revelou um alto funcionário da Casa Branca em declarações à agência de notícias Associated Press (AP). Stella Calloni*

Destaque 1
0

Boaventura: o que aprender com a Nicarágua

Os democratas, em geral, e as forças políticas de esquerda, em especial, têm razões para estar perplexos. Mas têm sobretudo o dever de reexaminar as opções recentes de governos considerados de esquerda em muitos países do continente. Que lições se podem colher do que se passa na Nicarágua?

Destaque 1
0

UE e Celac debatem mudanças climáticas, política de combate às drogas e migração

Os ministros de Assuntos Exteriores da União Europeia (UE) e da Comunidade de Estados Latino-americanos e Caribenhos (Celac) começam nesta segunda-feira (16) uma reunião centrada no tema ”Construindo pontes e reforçando nossa associação para enfrentar os desafios globais”.

Destaque 1
0

Frei Betto| Depressão brasileira: qual o projeto de país que almejamos?

Depressão é termo polivalente. Aplica-se ao desnível da estrada e à crise econômica. Outrora a medicina a denominava melancolia. Estado de desalento, desânimo, desesperança. Eis o clima do Brasil hoje. “Numa terra radiosa vive um povo triste”, escreveu Paulo Prado em “Retrato do Brasil”. Frei Betto* Não é para menos. O desemprego atinge quase 14 milhões de pessoas; a reforma trabalhista de Temer retirou direitos conquistados; o pré-sal é vendido a estrangeiros; o PIB recua;…

Destaque 1
0

Vítimas de Curuguaty celebram “Barraca da Resistência” e exigem anulação do juízo-farsa

Prefeito de Assunção, Mário Ferreiro levou seu apoio solidário as vítimas de Curuguaty, ao lado de lideranças políticas, religiosas e intelectuais Leonardo Wexell Severo* Manifestantes solidários aos camponeses presos políticos de Marina Kue, em Curuguaty, no Paraguai, colocaram uma placa em frente ao Tribunal de Sentenças de Assunção, na última quarta-feira (4), demarcando os dois anos em que foi erguida no local a “Barraca da Resistência” exigindo a anulação do julgamento-farsa e a sua libertação.…

Destaque 1
0

Com desmonte da Unasul, integração da América do Sul sofre mais um golpe

O presidente do Equador, LenÍn Moreno, foi vice do ex presidente Rafael Correa e agora é seu desafeto, segue atuando na linha da destruição de tudo que foi feito de bom no governo de Correa e tem se apressado em apagar também todos os rastros da ligação do país com o bolivarianismo.

Destaque 1
0

Lenín Moreno e a grande traição a Rafael Correa e à Revolução Cidadã do Equador

A mostra mais recente do que significa a traição a um povo está sendo vivida nestes momentos no Equador, que confiou plenamente em Lenín Moreno (2018- ) e o escolheu como seu presidente graças ao ex-presidente Rafael Correa (2007-2017) que o apoiou e o honrou com o respaldo em um momento crítico para toda América Latina.

Destaque 1
0

Jovens negros na França: uns brilham na Copa, outros são mortos pela polícia

Cinco dos 11 titulares da Seleção da França têm raízes na África Subsaariana. O zagueiro Umtiti é natural de Camarões. Os pais do volante Pogba nasceram em Guiné; os de Kanté, em Mali. O atacante Mbappé é filho de mãe camaronesa e pai argelino.

Destaque 1
1

Stella Calloni: Nicarágua é o alvo da vez da recolonização e do terror imperialista

Sob uma artilharia terrorista midiática, política e com violência mercenária, a mão imperialista tem instalado uma guerra contrainsurgente na Nicarágua, onde o governo do presidente Daniel Ortega tinha conseguido reconhecidos avanços nos âmbitos político, social e econômico, após ganhar pela terceira vez consecutiva as eleições de 2016, com mais de 72% dos votos, e manter o país como uma zona de paz em uma sub região cada vez mais violentada.

Destaque 1
0

Relações entre EUA e Cuba: entre o recuo e a vontade de melhorar os vínculos

Após um ano da decisão do presidente estadunidense, Donald Trump, de reverter grande parte da aproximação com Cuba, duas realidades se tornam evidentes: o recuo nos vínculos e o interesse de muitos setores em melhorá-los.

Destaque 1
0

Argentina: Filhos das vítimas de feminicídio receberão indenização do Estado

Com a aprovação de 203 votos a favor e nenhum contra, a Câmera dos deputados da Argentina sancionou de maneira definitiva o projeto “Lei Brisa”, uma iniciativa que dará uma reparação econômica para os filhos das vítimas de femicídios ou de assassinato de algum dos progenitores pelas mãos do outro.

Destaque 1
0

Lula: “O Brasil voltará a ser dos brasileiros”

“Para as petroleiras, é como comprar um bilhete premiado da loteria. Para o Brasil, é como vender a galinha da fábula, que botava ovos de ouro”. Luís Inácio Lula da Silva* Com fortes críticas ao governo Michel Temer, que chama de golpista, e ao PSDB, Lula mostra preocupação com o projeto de cessão onerosa dos campos de pré-sal. Além de questionar o preço, ele diz que “as chances de achar petróleo nesse campos são praticamente…

Destaque 1
0

“Farsa e perseguição”, diz Rafael Correa sobre ordem de prisão e alerta vermelho da Interpol

Depois do pedido de detenção internacional expedido nesta terça-feira (3), o ex-presidente do Equador Rafael Correia, que atualmente mora na Bélgica, denunciou que o processo é uma “farsa que não durará muito tempo”. Ele é acusado de participar da tentativa de sequestro do ex-legislador Fernando Balda, ocorrido na Colômbia na noite do dia 13 de agosto de 2012.

Destaque 1
0

Nem Somoza se atreveu a tanto… Como dói, Nicarágua!

“O heróis e mártires da revolução sandinista na Nicarágua não merecem que sua memória seja manchada pelos atos genocidas de um ditador que os traiu. As vítimas de Ortega e Murillo merecem justiça”.

Destaque 1
1

México: O que a vitória de López Obrador representa para esquerdas na América Latina?

Andrés Manuel López Obrador provavelmente venceu a eleição presidencial de 2006 no México. Ganhou mas não levou, devido a fraudes eleitorais. Concorreu pelo Partido da Revolução Democrática (PRD), dissidência à esquerda do Partido da Revolução Institucional (PRI).

Destaque 1
0

A ressaca do golpe e a política que inviabiliza a reorganização nacional

O rol dos crimes da súcia que tomou de assalto o governo  na ressaca do impeachment — instrumento de um golpe de Estado bem mais profundo do que sugerem as aparências — registra a cada dia uma nova  façanha. É o coroamento de uma política de terra arrasada cujo objetivo é  inviabilizar a reorganização nacional que pode emergir das eleições de outubro próximo como um clamor, se os deuses do Olimpo  imperscrutável finalmente se apiedarem deste país falho em lideranças, pobre de sonhos e temente do futuro.

Destaque 1
0

Nunca a degradação de um governo havia sido tão contundente como agora na Guatemala

Algumas vezes acreditei ter visto os extremos da perversidade nos círculos do poder. Mas o que aconteceu antes e durante a erupção do Vulcão de Fogo, na Guatemala, ultrapassou tudo o que se pode imaginar.

Destaque 1
0

Contra o FMI, a fome, o desemprego (e o governo), toda a Argentina parou

A greve geral do dia 25 de junho contra o acordo que o governo argentino fez com o FMI, contra o ajuste econômico, contra o desemprego e as demissões, contra a pobreza, contra os reiterados aumentos nas tarifas dos serviços básicos mostrou força e contundência, parando toda a Argentina.

Destaque 1
0

Por que ofender uma boceta rosa choca mais que matar um menino negro?

Marcus Vinícius, 14 anos, baleado nas ruas da Maré no momento em que o helicóptero blindado da Polícia Civil do Rio de Janeiro abria fogo em direção ao solo. Vinícius agonizou nos braços da mãe, foi socorrido ao hospital muito tempo depois, teve órgãos retirados, suturas por todo o corpo, mas não resistiu aos ferimentos e estilhaços de bala que o destruíram.

Destaque 1
0

“Parem de nos matar”: sobre a dor da morte de Marcus Vinicius e a necropolítica no Brasil

No governo golpista de Michel Temer, em fevereiro do corrente ano tivemos, via medida provisória Nº 821, publicada no Diário Oficial da União no dia 27 de fevereiro de 2018 a criação do Ministério da Segurança Pública. A nova pasta tinha por objetivo, a integração das ações governamentais na área do combate à violência.

Destaque 1
0

Cinco pensadores modernos africanos que tratam de identidade, língua e regionalismo

A filosofia africana é geralmente negligenciada no estudo de Filosofia, sem que se saibam claramente as razões para isso. Alguns argumentam que o fato de ela estar estreitamente vinculada às suas tradições orais tornaria difícil compartilhar a sua extensa história com uma audiência mais ampla. Outros argumentam que a sua natureza afrocêntrica a faria menos atraente para o resto do mundo. O filósofo nigeriano K.C. Anyanwu define a filosofia africana como “aquela que se interessa na maneira…

Destaque 1
0

Editorial | Jogos e cassinos no Brasil: liberar geral ou proibir totalmente?

Vira e mexe ataca nos governantes a vontade de legalizar os jogos e cassinos, hoje ilegais no país. Tramita na Câmara dos Deputados, desde 1991, projeto (PL442), do ex deputado Renato de Mello Viana (PMDB-SC), e no Senado (PLS 186), desde 2014, do senador Ciro Nogueira (PP-PI), que estão sempre à disposição para serem votados.

Destaque 1
0

“É preciso resgatar o sandinismo na Nicarágua”, diz a ex-comandante Baltodano

Os recentes protestos na Nicarágua são um divisor de águas dentro e fora do sandinismo, uma força política que derrubou o Ditador Anastasio Somoza, em 1979, e que teve Daniel Ortega como presidente, entre 1986 e 1990, da chamada “revolução sandinista”. Nesse ano, Ortega entregou o poder depois de perder as eleições gerais para Violeta Chamorro e retornou à presidência no ano de 2007.

Destaque 1
0

Com pressão de jovens feministas, Congresso argentino aprova legalização do aborto

“Educação sexual para decidir, anticoncepcional para não abortar, aborto legal para não morrer”. Esse é o lema da campanha de lenços verdes que tomou a Argentina. Assim como ocorreu no Uruguai, a mobilização das mulheres argentinas nas ruas e em todos os espaços de sociabilidade foram fundamentais para pressionar os congressistas a aprovarem a legalização do aborto.

Destaque 1
0

Quem se importa com migrantes? Mortos em vida, eles migram para morrer mil vezes mais

Os sinais mais visíveis das ditaduras impostas pelos Estados Unidos na América Latina podem ser vistos todos os dias nos milhares de migrantes que são obrigados a sair de seus países de origem para buscar salvar suas vidas e conseguir teto e comida nos Estados Unidos.

Destaque 1
0

Uberização da economia faz de trabalhadores os servos dos tempos modernos

Um motorista de táxi de Nova York de 65 anos, de Queens, Nicanor Ochisor, enforcou-se na sua garagem em 16 de março, dizendo, numa nota que nos deixou, que empresas como a Uber e a Lyft haviam tornado impossível ganhar o suficiente para viver. Foi o quarto suicídio de um motorista de táxi em Nova York nos últimos quatro meses, incluindo em 5 de fevereiro, o motorista de carros de aluguel, Douglas Schifter, de 61…

Destaque 1
0

Maio de 68: o que sobrou da rebeldia juvenil na França?

Maio terminou e nas ruas de Paris não há rastros do que aconteceu há 50 anos, mas muitos artigos em diários e revistas, entrevistas na televisão, novos livros revisionistas, etc. Os que o viveram e os que não, igualmente, querem opinar sobre o tema

Destaque 1
0

Caminhos do fascismo: cresce um movimento capaz de destruir qualquer senso humanitário

Europa, Estados Unidos e agora a América Latina vivem sob a sombra de um dos movimentos mais destrutivos da história da humanidade. O fascismo revivido acaba com qualquer intento de humanizar as políticas dos Estados e carcome a própria alma das sociedades, criando uma onda de repulsa por tudo o que é considerado “diferente”.

Destaque 1
0

Silvio Tendler lança “Dedo na Ferida” que discute o poder do sistema bancário

O cineasta Silvio Tendler, autor de sucessos como “Os Anos JK”, “Jango” e “O Mundo Mágico dos Trapalhões”, acaba de lançar no Rio de Janeiro seu décimo longa documental, “Dedo na Ferida”. A estreia em São Paulo, onde o filme participa da mostra competitiva da Mostra Ecofalante, acontecerá dia 21 deste mês. Mesma data de Porto Alegre. A reportagem é publicada por Revista do Cinema* “Dedo na Ferida” foi eleito o melhor documentário pelo júri…

Destaque 1
0

“Nos interessa prevenir acidentes, não achar culpados”, diz Cuba sobre tragédia aérea

Cuba recordará dolorosamente a sexta-feira 18 de maio de 2018, quando um Boeing 737-200 arrendado pela Cubana de Aviación caiu com 113 seres humanos a bordo, nas imediações do Aeroporto Internacional José Martí desta capital.

Destaque 1
4

Por que uma Copa do Mundo na Rússia? Os interesses por trás do Mundial de clubes

Faltam 10 dias para que a bola comece a rodar sobre o gramado do grande Estádio Desportivo do Complexo Olímpico Luzhniki, que durante a época comunista era o Estádio Central Lenin de Moscou. Oitenta mil torcedores e espectadores estarão presentes na inauguração do primeira Copa Mundial organizada por um país da Europa Oriental.

Destaque 1
1

Editorial: Morreu Quijano, o grande mestre do livre pensar

Aníbal Quijano nos deixou na última quinta-feira (31), mas permanecerá na galeria dos mais expressivos pensadores latino-americanos. Eterno como instigador mor do pensamento crítico, da busca por uma filosofia e uma ética fincada na latinidade-americana. Mais americana que latina, mais quéchua, aimará ou guarani que qualquer dos idiomas dos conquistadores europeus. Latinidade para Quijano é colonialidade que precisa ser decolonizada. É a busca da libertação do pensar, no entendimento de que a liberdade é possível…

Destaque 1
0

Editorial: Finalmente temos uma greve política

Arre! Até que enfim temos trabalhadores mobilizados numa greve política. Pois são reivindicações políticas tanto a paralisação dos caminhoneiros como a dos petroleiros. E não vamos esquecer dos professores, invisibilizados pela mídia.

Destaque 1
0

19 pontos que comprovam os sucessos de Cuba em direitos humanos nos últimos 5 anos

Cuba apresentou, em 16 de maio, seu Exame Periódico Universal (EPU), no Conselho dos Direitos Humanos. O evento foi uma nova chance para mostrar os avanços na aplicação de um modelo econômico e social que tem em seu centro o ser humano e procura conquistar a maior justiça possível. Por Sergio Alejandro Gómez, no Diário Liberdade Esta é a terceira ocasião em que nosso país apresenta um relatório a esse mecanismo, que avalia o desempenho, em…

Destaque 1
0

Debate sobre democratização da internet e limites da política marcam evento da mídia alternativa

“É muito importante que estejamos realizando esse evento numa conjuntura como a atual. Não tivemos nenhum apoio institucional, mas este debate não poderia deixar de ser feito”. Dessa forma, Altamiro Borges, presidente do centro de estudos da mídia alternativa Barão de Itararé, abriu o 6o Encontro Nacional de Blogueir@s e Ativistas Digitais, realizado na capital São Paulo nesta sexta (25) e sábado (26). Redação A greve dos caminhoneiros, que desde a última segunda-feira (21) tem paralisado…

Destaque 1
1

Crise: da demissão de Parente à privatização da Petrobras: o que querem os presidenciáveis

A greve dos caminhoneiros contra o preço dos combustíveis ganhou o noticiário nacional. No centro da discussão, a cobrança para adoção de alguma medida pelo governo Temer (MDB), que alterou em 2016 a política de preços praticada pela Petrobras, passando a pautá-la pelo mercado internacional, o que levou o preço médio da gasolina no País a atingir R$ 4,28 no final da semana passada, o maior da história do Plano Real. Sul21 À medida que…

Destaque 1
0

Política de preços da Petrobras só beneficia os Estados Unidos, denunciam engenheiros

Na avaliação da Aepet, a alta dos combustíveis, que tem gerado revolta na população, e motivou o protesto que está paralisando as estradas do país, é resultado de uma política na gestão da Petrobras que tem como fundo beneficiar os Estados Unidos.

Destaque 1
0

Editorial: Nossos supremos juízes e a (não) renovação nas eleições de outubro

Enquanto nossos supremos juízes estraçalham a Constituição, o país se torna ingovernável. Delfim Neto, professor da USP, foi secretário estadual em São Paulo, serviu a todos os governos militares, seja como embaixador, ministro de Planejamento, da Fazenda, deputado federal de 1987 a 2007… É justo pensar que se trata de alguém com muita experiência e manejo nas esfera de poder. Pois bem. Delfim escreve na revista semanal Carta Capital e tem manifestado preocupação com “o…

Destaque 1
0

Um percurso pelas ideias de Karl Marx, esse gigante da história

O que é que a humanidade deve a ele? O que é que os trabalhadores devem a Karl Marx? Muito. Sem suas ideias, sem a pressão desencadeada por essas ideias, os trabalhadores não teriam direitos sociais, nem haveria a esperança de uma nova sociedade socialista, sem exploração do homem pelo homem. Jorge Rendón Vásquez* Há duzentos anos, Karl Marx nasceu em Trier, uma pequena cidade da Alemanha, às margens do rio Mosel e perto do rio…

Destaque 1
0

Venezuela: A reeleição de Maduro e a grande lição ao império

Muito temos que aprender no resto da América Latina, com esse povo venezuelano que deu uma lição ao mundo, novamente defendendo o sonho de democracia e livre arbítrio. Ilka Oliva Corado* Apoiando Maduro o povo venezuelano continua fiel ao sonho libertador do “Niño Arañero”. Não serviu para nada os milhões de dólares gastos pelos intervencionistas e pelas oligarquias latino-americanas em propaganda e notícias na mídia tratando de desacreditar a inteligência natural, a dignidade e a…

Destaque 1
0

Boaventura: Ataques na Síria, eis a Guerra Fria do século 21

Em decadência, EUA já não podem abater a China. Tentam fustigá-la atacando seus aliados: Rússia, Coreia do Norte, Irã, BRICS. A devastação espalha-se — da guerra na Síria ao golpe no Brasil. Como contê-la?

Destaque 1
0

José Dirceu: Subestimamos a direita e politizamos pouco a sociedade

Apesar da convicção de que seria preso em breve, José Dirceu, ex-ministro da Casa Civil no governo Lula e um dos principais formuladores políticos do Partido dos Trabalhadores (PT), se mantinha calmo quando recebeu o Brasil de Fato, na segunda-feira (14), para a última entrevista formal que daria antes de ter sua prisão determinada pela segunda vez

Destaque 1
0

Enquanto Brasil afunda, mídia fala em incertezas. Qual a solução?

É incontestável que o país está afundando cada vez mais. Até o FMI já percebeu isso e projeta para 2019 ou 2020 dívida superior a 90% do PIB. Já está em 80%: R$ 4 trilhões. Crescimento? Insignificante: menos de 1% depois de anos de PIB negativo.

Destaque 1
0

Privatizar Eletrobras é mau negócio: perde a engenharia nacional e a sociedade em geral

Fracassada a intenção de aprovar a reforma da Previdência, sob o argumento de necessidade de fazer caixa, o governo federal agora tenta emplacar a privatização da Eletrobras. “Frustrada aquela tentativa, [o governo] voltou suas metralhadoras para o grupo”, atesta José Antonio Latrônico Filho, representante da Federação Nacional dos Engenheiros (FNE) nas negociações coletivas com a holding e presidente da Associação Brasileira de Engenheiros Eletricistas (Abee). Para tanto, aparentemente, vale tudo: conforme divulgado pela Agência Sportlight,…

Destaque 1
1

Acre: Comunidades denunciam projeto de compensação de carbono Envira REDD+

O Projeto Envira Amazônia é um dos três empreendimentos de compensação de carbono florestal (REDD+) que a empresa estadunidense CarbonCo LLC está desenvolvendo no estado brasileiro do Acre. Jutta Kill O projeto abrange quase 40 mil hectares de floresta amazônica e faz parte de uma enorme área de 200 mil hectares, dos quais a empresa JR Agropecuária e Empreendimentos EIRELI alega ser proprietária. Porém, essa propriedade é contestada. Famílias de seringueiros vivem naquelas terras há…

Destaque 1
0

No México, eleições presidenciais coincidem com 50 anos do Massacre de Tlatelolco

A próxima eleição presidencial mexicana, marcada para 1º de julho deste ano, coincide com os 50 anos do Massacre de Tlatelolco, que ocorreu em 2 de outubro de 1968, considerado “a expressão máxima de um Estado autoritário, da prática repressiva em nome da hegemonia priista” e “um dos episódios mais tristes da história mexicana”, diz a historiadora Larissa Jacheta Riberti. Wagner Fernandes de Azevedo, no IHU On-Line De acordo com a historiadora, no atual contexto…

Destaque 1
3

Zeev Sternhell: “Em Israel, cresce um racismo próximo do nazismo em seus primórdios”

Hoje, a esquerda já não é capaz de fazer frente a um nacionalismo que, em sua versão europeia, bem mais extrema que a nossa, havia quase conseguido aniquilar os judeus da Europa. Fica claro como cresce, sob nossos olhos, não um mero fascismo local, mas um racismo próximo ao nazismo em seus primórdios. [O anúncio foi tão simbólico quanto controverso: em 6 de dezembro de 2017, o presidente dos EUA, Donald Trump, decidiu reconhecer Jerusalém como…

Destaque 1
0

Bicentenário de Karl Marx: em memória de um dirigente revolucionário do proletariado

Era, assim, o homem de ciência. Mas isto não era sequer metade do homem. A ciência era para Marx uma força historicamente motora, uma força revolucionária. Por mais pura alegria que ele pudesse ter com uma nova descoberta, em qualquer ciência teórica, cuja aplicação prática talvez ainda não se pudesse encarar — sentia uma alegria totalmente diferente quando se tratava de uma descoberta que de pronto intervinha revolucionariamente na indústria, no desenvolvimento histórico em geral.…

Destaque 1
1

Inteligência Artificial: a grande revolução do século 21

Há dez anos observávamos que “enquanto as universidades inventavam robôs que se parecem cada vez mais aos seres humanos, não só pela inteligência comprovada, mas também por suas habilidades de se expressar e perceber emoções, os hábitos consumistas nos estão transformando cada vez mais similares aos robôs” Jorge Majfud* Na semana passada, publicamos umas breves reflexões sobre “A grande crise do século 21”. Um problema menor é que nos acusem de dramáticos, grandiloquentes ou apocalípticos.…

Destaque 1
0

Paul Craig Roberts: Outrora, faz muito tempo, a verdade era algo importante

Os crimes cometidos pelos EUA e Israel são horrendos, mas encontram pouca oposição. Em contraste, um suposto ataque no qual se alega terem morrido 70 sírios põe em andamento os carros da guerra. Não faz qualquer sentido que seja. Paul Craig Roberts*, no Resistir.info Pergunto-me quantas pessoas, não apenas estadunidenses mas aqueles em outros países, chegaram à conclusão de que hoje os Estados Unidos são menos livres e menos conscientes do que as sociedades em…

Destaque 1
0

“Intolerância religiosa é perversa, é o povo preto atacando a si mesmo”, diz socióloga

“A população das igrejas evangélicas (e grande parte dos católicos, também) é de pessoas pretas, pobres e periféricas. Assim, o que vemos é muito perverso, pois se trata do povo preto atacando o próprio povo preto”. O questionamento é feito pela socióloga Simony dos Anjos em entrevista.

Destaque 1
1

A grande crise do século 21: entre a acumulação e a degradação ecológica

Acumulação ou degradação? Tanto faz, quaisquer dessas duas bombas de tempo que exploda primeiro fará com que exploda a outra. Então, veremos uma catástrofe mundial sem precedentes. Talvez a maior degradação ecológica de todos os tempos. Jorge Majfud* Sendo que o passado está lá na frente e o futuro lá atrás, só podemos ver com certa precisão o primeiro, e apenas sentir o segundo, às vezes como uma brisa outras como um vendaval. Se pelo…

Destaque 1
0

É possível superar o discurso de ódio na sociedade brasileira ?

O ódio tem uma “função” de detectarmos que não estamos sozinhos no mundo. Por ser constitutivo, o ódio não tem cura — no sentido de doença ou espírito maléfico. Agora, o que fazemos com o ódio, o modo como ele é manuseado na cultura, é de outra ordem.

Destaque 1
0

Marcia Tiburi: Delírio nacional, uma reflexão sobre a irracionalidade e a loucura

Discursos irracionais por todo lado. Ideias estapafúrdias provenientes dos mais diversos personagens na cena pública. Mentiras deslavadas nos meios de comunicação de massa. Fundamentalistas religiosos a dominar o poder político e econômico com posturas e falas cínicas. Tribunais em gambiarras teóricas a rasgar pomposamente a Constituição. Marcia Tiburi* Falas sem sentido, jargões e clichês de cidadãos comuns que seguem a opinião dos personagens políticos e midiáticos e se expressam pateticamente no cenário das redes sociais,…

Destaque 1
0

Parlamento do Mercosul aprova declaração de apoio à Unasul

Na última sexta-feira (27) o Parlamento do Mercosul se reuniu na sua sede de Montevidéu, Uruguai para realizar a 54ª Sessão Ordinária. Um dos pontos mais destacados no debate da Sessão foi a aprovação da Declaração sobre a Unasul, referente à “preocupação pela decisão de seis governos da região, de suspender sua participação na União de Nações Sul-Americanas – Unasul, até que seja designado o Secretário Geral”. A Proposta também expressa a vontade do Parlasul…

Destaque 1
0

Igualdade entre mulheres e homens reduziria fome no mundo, diz ONU

As mulheres rurais são um terço da população mundial e por suas mãos passa metade da produção global de alimentos. Mas, para que serve esse protagonismo? É o que estatísticas internacionais nos convidam a analisar.

Destaque 1
0

África do Sul: Milhares fazem greve contra salário mínimo abaixo da linha da pobreza

Milhares de trabalhadores e trabalhadoras aderiram nesta quarta-feira (25) a uma paralisação na África do Sul chamada pela Federação Sul-Africana de Sindicatos (South African Federation of Trade Unions – SAFTU) e movimentos sociais contra a proposta do governo de alterar as leis trabalhistas do país.

Destaque 1
0

Mortes desnecessárias na Nicarágua

Afastados já há muitos anos de seus antigos companheiros da luta sandinista, Ortega formou alianças com empresários e com os setores conservadores da igreja católica. Agora, conseguiu debilitar essas alianças de forma severa e precária, apoiado no aparato político e administrativo do sandinismo desnaturalizado. E, o mais grave, dezenas de vidas perdidas a troco de nada.

Destaque 1
0

Literatura: a potência política do experimentalismo latino contemporâneo

Luiz Felipe Leprevost é poeta, ator, escritor, dramaturgo e ainda canta e às vezes dança. Mas além de tudo isso, provoca quem entra em contato com sua obra. E não provoca pouco. Impulsionada por esta provocação, conversamos sobre o que esta geração de jovens escritores está fazendo e sobre como podemos “classificar” a literatura contemporânea latino-americana, se é que precisa ser classificada.

Destaque 1
3

Integração em disputa: saída de Argentina, Brasil e Colômbia é xeque-mate na Unasul?

Aproveitando uma mudança na titularidade da presidência pró-tempore, os países sul-americanos pertencentes ao Grupo de Lima anunciaram que abandonavam temporariamente a Unasul. No entanto, trata-se de um capítulo mais da contraofensiva neoliberal que a região vive nos últimos anos.

Destaque 1
4

Dez candidatos à presidência e sistema inglês de votação: entenda a eleição no Paraguai

Os paraguaios vão participar, neste domingo (22), das eleições gerais e departamentais para renovar as autoridades que integrarão o governo, bem como instituições legislativas e regionais para o período 2018-2023.

Destaque 1
0

“Empresários não querem extinção do SUS, querem SUS conveniente com seus interesses”

Em meio a um cenário de desmonte das políticas sociais como um todo, e às políticas de saúde especificamente, a proposta de construção de um “Novo Sistema Nacional de Saúde”, ainda mais partindo de uma entidade representativa do setor empresarial, foi vista como um ataque direto ao Sistema Único de Saúde (SUS).

Destaque 1
0

Movimentos sociais lançam campanha pela revogação do teto dos gastos, a “EC da morte”

A Campanha é promovida pela Coalizão Anti-austeridade e pela revogação da Emenda Constitucional 95 e visa estimular o debate público sobre os impactos negativos da chamada política econômica de austeridade no cotidiano da população e articular um conjunto de ações destinadas a dar fim a Emenda do Teto dos Gastos Sociais.

Destaque 1
0

Advogado acusa OEA de ser conivente com esquema de corrupção em Honduras

A 13ª Cúpula das Américas, que ocorreu entre 13 e 14 de abril em Lima, teve como objetivo principal tratar a questão da “governabilidade democrática frente à corrupção”, mas, a Organização dos Estados Americanos (OEA), entidade encarregada de organizar este evento, tem sobre si numerosas acusações de supostos delitos de corrupção.

Destaque 1
0

VIII Cúpula das Américas: um rotundo fracasso marcado pela submissão aos EUA

Depois de dias tensos, terminou em Lima dois dos mais esperados eventos do ano: a VIII Cúpula das Américas, evento governamental no âmbito da Organização dos Estados Americanos (OEA); e a Cúpula dos Povos, convocada por organizações sociais e políticas com o objetivo de traçar um caminho diferente ao da classe dominante.

Destaque 1
2

Por que governo Temer tenta vender a Eletrobras a galope?

A privatização do setor elétrico no Brasil, encaminhada de forma apressada pelo governo golpista, será útil para ajudar a resolver os problemas das multinacionais do setor e dos grupos que vão ganhar dinheiro com a privataria, que caracteriza sempre os processos de privatização em todo o mundo. Pretendem privatizar o sistema elétrico brasileiro porque ele é filé mignon e proporcionará muitos lucros aos grupos econômicos que o arrematarem a preço de banana.

Destaque 1
1

Ato contra prisão de Lula lota teatro em Lisboa; Boaventura fala em fascismo

A manifestação internacional de solidariedade organizada pela Fundação José Saramago, nesta quinta-feira (12), pede a libertação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O ato contou com a presença de Boaventura de Sousa Santos, Guilherme Boulos (PSOL), Tarso Genro (PT), Pablo Iglesias, entre outros

Destaque 1
1

Boaventura: passos para a unidade das esquerdas

No contexto atual de asfixiante doutrinação neoliberal, a construção e implementação de alternativas, por mais limitadas, têm, quando realizadas com êxito, além do impacto concreto e benéfico na vida dos cidadãos, um efeito simbólico decisivo que consiste em desfazer o mito que os partidos de esquerda só servem para protestar e não sabem negociar e muito menos assumir as complexas responsabilidades da governação.

Destaque 1
0

Dos campos às cabines de TV: as meninas também jogam (e entendem de) futebol

Eu cheguei nos Estados Unidos em novembro e nos primeiros dias de abril, quando começava a derreter a neve do inverno, saí para buscar trabalho nos campos de futebol. Levava comigo meu título de árbitra de futebol avalizado pela FIFA e uma carta de recomendação da Federação de Futebol da Guatemala.

Destaque 1
0

Tempos de tormenta: Guatemala enfrenta casos difíceis para sistema de justiça

Depende agora de uma cidadania informada e ativa que exerça a fiscalização indispensável para conseguir a consolidação do sistema de justiça em um marco de ética e transparência, para derrubar os obstáculos opostos ao avanço da democracia e impedir o avanço de forças antagônicas à instauração de um verdadeiro estado de Direito. Ninguém mais poderá consegui-lo. Carolina Vásquez Araya*

Destaque 1
2

Ódio a Lula: quando a aristocracia não aceita sentar-se à mesa com o plebeu

Começo, então, com a pergunta que não quer calar, com a pergunta que, talvez, seja a mais importante de ser feita no atual momento da história do Brasil: Por que as elites brasileiras odeiam Lula?

Destaque 1
1

Do que vi, vivi e senti no Sindicato dos Metalúrgicos, na resistência de Lula à prisão

Nos últimos dias, estive imersa numa realidade vivida no quarteirão do Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo. O debate em torno da arbitrariedade da decisão de Moro, sobre a seletividade da justiça e a necessidade de ampliar o ato em solidariedade a Lula eram temas comuns. Bons companheiros e companheiras se abraçavam a quase todo instante, palavras de ordem eram entoadas aos berros, almas eram lavadas a cada hora que passava.