Entrevistas

Entrevistas
1

A filosofia do Bem Viver é a única forma de superar o neoliberalismo, diz Alberto Acosta

O economista equatoriano, professor da Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais e espécie de “porta-voz” da filosofia do “Bem Viver”  contou um pouco sobre a construção desse novo matiz de pensamento político, que nasce no seio das comunidades tradicionais no mundo e compreende todas as formas de vida sob o mesmo conjunto de direitos fundamentais. Juliana Gonçalves, via Brasil de Fato Em passagem pelo Brasil na última semana, a convite do 15ºCongresso Mundial do Lazer que ocorreu…

Entrevistas
0

Marina, Alckmin, Bolsonaro e Temer são a mesma coisa, diz economista

O economista Eduardo Fagnani comenta os dados do Pnad e o cenário eleitoral deste ano. “Quando se olha os candidatos à direita, eles não têm diferença nenhuma em relação ao governo Temer; esse é o ponto. Eles não dizem, mas é preciso deixar claro que a reforma trabalhista vai quebrar a previdência pública. Um trabalhador que trabalha como intermitente e recebe menos de um salário mínimo não vai contribuir para previdência, então a arrecadação vai cair”. Por Patricia Fachin, da Revista IHU On-Line A redução do…

Entrevistas
0

Equador: Moreno foi eleito para continuar revolução, mas a traiu, diz ex-chanceler

Ex-chanceler explica: o presidente, Lenin Moreno, foi eleito para continuar a revolução popular de Rafael Correa. Mas ao invés disso a está desmantelando Guillaume Long, entrevistado por Pablo Vivanco, na Jacobin | Tradução: Inês Castilho Em pouco mais de um ano, a paisagem política no Equador mudou dramaticamente. Por mais de uma década, a Revolução Cidadã iniciada com Rafael Correa deu grandes passos na redução da pobreza e desigualdade, inclusive tirando da rua e colocando na escola centenas de milhares…

Entrevistas
0

David Harvey sobre os caminhos da esquerda: uma vez no poder, precisamos de imaginação

“Há uma grande diferença entre crescimento econômico e desenvolvimento”, explica o geógrafo britânico David Harvey, professor emérito da Universidade da Cidade de Nova Iorque. “Se nós mudarmos a ênfase do desenvolvimento e a afastarmos do crescimento puro e simples, da produção material, e começar a falar do desenvolvimento das potências e capacidades humanas seria um grande passo. Me parece que há um horizonte quase infinito para experimentação e o desenvolvimento da potência humana, há muito que está…

Entrevistas
1

Pinheiro-Machado: De Lula a Bolsonaro, como entender o voto das periferias?

O que fez com que “uma grande parcela” da população brasileira e, mais especificamente, de Porto Alegre, passasse de uma adesão ao lulismo para uma identificação com o bolsonarismo? Compreender esse fenômeno tem sido o tema de estudo das pesquisadoras Rosana Pinheiro-Machado e Lúcia Scalco. Essa motivação, explica Rosana, surgiu em “uma roda de conversa” realizada com os estudantes no final de 2016, a qual “demonstrou que muitos jovens achavam as ocupações coisa de vagabundo.

Entrevistas
0

Souto Maior: “Reforma trabalhista não deve sequer ser considerada como lei”

São mais de duzentas alterações introduzidas pela reforma na CLT. É importante ter esse número em mente para mostrar a quantidade de problemas que podem advir dessa legislação. Os problemas em decorrência da lei 13.467/17 são múltiplos e não dizem respeito apenas aos vivenciados pelos trabalhadores, pois essa lei é ruim tecnicamente. Aquilo que os patrões acreditam que possam fazer por intermédio dessa lei não será sequer garantido porque os termos legais são mal elaborados.…

Entrevistas
0

Djamila Ribeiro: A prioridade no Brasil hoje deve ser discutir o racismo

Para Djamila, não há como a esquerda falar de classe sem falar de opressões de raça e gênero. “Sempre é essa questão, ‘a gente vai discutir os problemas maiores e depois a gente discute essa questão’, sem entender que não tem problema maior no Brasil hoje do que discutir o racismo, que acaba gerando várias desigualdades. Por Luis Eduardo Gomes, via Sul21 Djamila Ribeiro talvez seja a principal referência intelectual negra da atualidade. Autora de dois best…

Entrevistas
0

Chomsky condena virada de Israel à extrema-direita e a nova lei do ”Estado-nação judaico”

Aquilo que a nova lei traça está, no fundo, em vigor há já muito tempo: a Lei Básica das Terras de Israel, que remonta a 1960, e que, segundo o Supremo Tribunal de Israel, decreta que “Israel é o estado soberano do povo judeu” – de todo o povo judeu, mas não dos seus cidadãos, apenas dos judeus. E isso foi há 60 anos.

Entrevistas
0

“Debate mostrou que qualidade dos candidatos é péssima”, diz cientista político

Apesar de ressalvar que ainda estamos em um cenário em que “tudo pode acontecer”, o professor acredita, neste momento, que a campanha presidencial deve se encaminhar para uma repetição da polarização tradicional entre os candidatos do PT e PSDB, em paralelo a uma disputa para ver quem irá se consolidar como terceira força para romper com esse embate que se repete desde 1994. Luís Eduardo Gomes, do Sul21 Após meses de especulação sobre quem seriam…

Entrevistas
0

Eugenio Raúl Zaffaroni: ‘Poder financeiro mundial virou uma organização criminosa’

Na medida em que criam e potencializam a violência, estão enfraquecendo o Estado, que é o eles querem. E a mídia fica pedindo cada vez mais prisões, reproduzindo cada vez mais violência. É um mecanismo totalmente funcional a essa pulsão totalitária do capitalismo financeiro. Neste cenário, vão caindo limites éticos, morais e legais, o que faz com que esse poder vá virando um poder criminoso em nível mundial. Quando falo ‘criminoso’ não estou falando metaforicamente” Marco…

Entrevistas
0

“Instrumentos da economia verde obedecem à mesma lógica perversa da financeirização”

O debate ambiental tem tudo para ser escamoteado ou repetir velhas tergiversações sobre desenvolvimento e sustentabilidade no cenário eleitoral que começa a se aquecer. Mais ainda no que tange a chamada economia verde, conceito ainda novo para o público. Colaboradora da Diálogos do Sul e Colunista do Correio da Cidadania, a economista e ativista socioambiental Amyra el Khalili acaba de lançar o e-book Commodities Ambientais em Missão de Paz – novo modelo econômico para América…

Entrevistas
1

Guiné Bissau: “Não se pode projetar políticas sem grupos sociais participando do processo”

O Programa Alimentar Mundial (PAM) organizou em Guiné Bissau, uma consulta nacional para a apresentação e validação da Estratégia Fome Zero e a questão que hoje é encarada, é que não se pode projetar políticas públicas para determinados grupos sociais sem que tais não tenham participado no processo. É que, as vezes, ignoramos ter a presença das crianças, não lhes atribuimos o estatuto de que elas também podem ter suas ideias, seus pensamentos.

Entrevistas
0

Desmonte e falta de investimento no SUS trazem de volta doenças evitáveis, diz médico

Para o professor do Curso de Saúde Coletiva da UFRGS e médico com formação em medicina comunitária Alcides Miranda, as explicações para o retorno de doenças imunopreveníveis estão inseridas em um contexto maior, de desarticulação do Sistema Único de Saúde (SUS), que atinge especialmente a rede de atenção à saúde básica.

Entrevistas
0

Impacto destrutivo do capitalismo já supera destruições anteriores da vida no planeta

Menegat projeta que, até 2025, “os efeitos da Revolução 4.0, juntamente com os novos capítulos da crise global do capitalismo, tornarão o cotidiano de nossas vidas um verdadeiro inferno, dessa vez para um número muito maior de pessoas”. Ele cogita que a esquerda não está entendendo isso, “portanto, é provável que, como em 2013, fique desarmada (ou alarmada?) diante do caos” Por João Vitor Santos, do IHU Ao analisar a Revolução 4.0 e seus efeitos, Marildo Menegat destaca que ela é um aprofundamento da Terceira…

Entrevistas
0

Caso Herzog: resolver a violência do passado é enfrentar a exceção do Brasil de hoje

No cenário em que vivemos, a memória das nossas lutas de resistência, pela ampliação de direitos, pelo combate da desigualdade social, pela necessária justiça e reconhecimento aos que se opuseram dos mais diversos meios à ditadura e ao projeto de desigualdade e violência que ela representou, é um patrimônio valioso a ser cultivado e protegido. A condenação do Brasil pela Corte Interamericana de Direitos Humanos no Caso Herzog representa uma importante vitória nessa direção.

Entrevistas
1

Caravana Semiárido Contra a Fome denuncia risco de Brasil voltar ao Mapa da Fome

“Nosso papel como movimentos populares é fazer a resistência, fazer a denúncia e apresentar propostas para que possamos diminuir esse risco de voltar ao Mapa da Fome e dar passos no sentido de eliminar, de uma vez, essa desgraça que é a fome. Entrevista especial com Cícero Felix.

Entrevistas
0

Projeto Escola Sem Partido: quando o interesse privado sufoca a esfera pública

É preciso combater o Escola Sem Partido, mas não apenas os projetos de lei. É preciso combater também o seu discurso e discutir que educação, que escola e que sociedade queremos. É preciso lutar por uma educação democrática. Precisamos de uma educação que combata os discursos de ódio e que seja voltada para o respeito aos direitos humanos.

Entrevistas
0

No Brasil, morre uma criança por hora: ECA é referência, mas precisa ser aplicado

Considerado modelo de lei para a garantia de direitos na infância e juventude, o Estatuto da Criança e do Adolescente, mais conhecido como ECA, completa 28 anos neste mês de julho. Ariel de Castro Alves, coordenador da Comissão da Infância e Juventude do Condepe-SP, comenta os 28 anos do Estatuto.

Entrevistas
0

“Estão aplicando manual da desestabilização na Nicarágua”, diz embaixadora

A Nicarágua passa por um período turbulento marcado por intensos protestos contra o governo do presidente Daniel Ortega, reeleito em 2016 pela Frente Sandinista de Libertação Nacional. Em entrevista ao Brasil de Fato, diplomata afirma que em seu país há uma tentativa de golpe de estado em curso.

Entrevistas
0

A privatização do sistema de saúde e o desmonte do SUS

O mercado não quer regulação, ele quer o mercado livre, porque, do contrário, os planos de saúde não podem rescindir os contratos, não podem reajustar seus preços de acordo com o que querem. E o pior é que a ANS está capturada 

Entrevistas
0

“Política foi demonizada para acabar com participação popular”, diz presidente da CUT

Em entrevista ao Sul21, Freitas avalia os impactos da Reforma Trabalhista após um ano de aprovação, além de refletir sobre a própria organização do movimento sindical. “Houve a extinção do direito ao trabalho. O que temos hoje não é emprego. É ‘bico’”, aponta.

Entrevistas
1

Laura Carvalho: “Política econômica é dominada por interesses particulares”

Um passo para frente, um para o lado e um para trás. Essa é a dança da economia brasileira que a economista Laura Carvalho descreve no livro “Valsa Brasileira: do boom ao caos econômico”, lançado em maio e que ficou na lista dos mais vendidos do País, com mais de 10 mil exemplares comercializados.

Entrevistas
1

Não os progressismos, mas a nova esquerda é imprescindível para a América Latina

A constituição de um pensamento de esquerda na América do Sul remonta às discussões europeias, que tinham grande influência no continente. “No século 19, por exemplo, as ideias dos socialistas europeus eram bem conhecidas e discutidas”, lembra Eduardo Gudynas.

Entrevistas
0

A esquerda ausente e a guerra presente: entrevista com Domenico Losurdo

Um dos maiores pensadores dos estudos marxistas e da obra de Antonio Gramsci, Domenico Losurdo morreu na última semana na Itália, onde residia. Em homenagem a esse importante intelectual, a Revista Diálogos do Sul republica a longa entrevista concedida por Losurdo à Revista Princípios, na qual ele fala sobre diversos temas do seu livro “A esquerda ausente”, publicado pela Fundação Maurício Grabois e a Editora Anita Garibaldi. Osvaldo Bertolino* Confira a entrevista completa: Princípios – O…

Entrevistas
0

“Em todo o mundo, austeridade é uma máquina de produzir desigualdades”

Compreender as múltiplas dimensões da desigualdade no Brasil requer levar em conta os profundos desajustes nas cargas tributárias, isso porque a política tributária se caracteriza por ser intensamente regressiva. O que isso significa? Que os mais pobres pagam mais impostos, à medida que a taxação nos produtos compromete mais a renda que das populações mais abastadas, cujo rendimento financeiro é, proporcionalmente, menos taxado. Ricardo Machado, no IHU online  “O Brasil já teve uma tributação mais progressiva, entretanto, desde os governos militares as alíquotas máximas de imposto de…

Entrevistas
0

“Queremos acabar com falta de representação indígena na política”, diz Sonia Guajajara

Mulher indígena do povo Guajajara/Tentehar, nordestina do Maranhão, especialista em educação, de 44 anos, Sonia Guajajara é a primeira pessoa indígena a concorrer em uma chapa presidencial no Brasil. Fernanda Canofre, no Sul21 Sonia Guajajara, coordenadora da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib), foi a escolhida dentro do PSOL para ser a vice-presidente — ou co-presidenta — do líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), Guilherme Boulos. Apesar de ser filiada ao partido…

Entrevistas
0

No México, eleições presidenciais coincidem com 50 anos do Massacre de Tlatelolco

A próxima eleição presidencial mexicana, marcada para 1º de julho deste ano, coincide com os 50 anos do Massacre de Tlatelolco, que ocorreu em 2 de outubro de 1968, considerado “a expressão máxima de um Estado autoritário, da prática repressiva em nome da hegemonia priista” e “um dos episódios mais tristes da história mexicana”, diz a historiadora Larissa Jacheta Riberti. Wagner Fernandes de Azevedo, no IHU On-Line De acordo com a historiadora, no atual contexto…

Entrevistas
0

Comparato: “Temos duas Constituições e uma democracia incompleta no Brasil”

Desde 1824, pouco depois que se instaura a independência do Brasil, o país passa a ser regido por duas Constituições e isso atravessa toda a monarquia e os períodos de regime republicano, chegando aos dias de hoje. É o que acredita o jurista Fábio Konder Comparato.

Entrevistas
3

Projeto de região criado pela Unasul não deve ser abandonado, diz ex-presidente do bloco

A Unasul (União das Nações Sul-americanas) atravessa uma profunda crise após a Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Paraguai e Peru decidirem não participar mais das reuniões do organismo, o que consiste num desmonte. Este é um dos principais órgãos de integração latino-americana e, para Ernesto Samper, ex-secretário-geral do organismo, trata-se do pior momento para retroagir neste sentido. Por Augusto Taglioni, em Resumen del Sur* Em entrevista, Samper, que é ex-presidente da Colômbia e foi o último…

Entrevistas
0

“Empresários não querem extinção do SUS, querem SUS conveniente com seus interesses”

Em meio a um cenário de desmonte das políticas sociais como um todo, e às políticas de saúde especificamente, a proposta de construção de um “Novo Sistema Nacional de Saúde”, ainda mais partindo de uma entidade representativa do setor empresarial, foi vista como um ataque direto ao Sistema Único de Saúde (SUS).

Entrevistas
0

Jornalista lança livro-denúncia da situação de camponeses perseguidos no Paraguai

O jornalista Leonardo Wexell Severo, colaborador da Revista Diálogos do Sul e redator-especial do Hora do Povo, lança na sexta-feira (27), na livraria Martins Fontes da Avenida Paulista, o seu mais recente livro: “Curuguaty – O combate paraguaio por Terra, Justiça e Liberdade” (Editora Papiro, 100 páginas, R$ 20). Valdo Majors* Nesta entrevista, o autor faz uma análise da campanha internacional pela libertação dos camponeses de Curuguaty, condenados a até 35 anos de prisão por…

Entrevistas
0

Assassinato de Marielle revela fracasso de políticas de segurança, diz pesquisadora

“Nenhuma pessoa que vive em favela desconhece o fenômeno da violência de maneira acrítica. O que ocorre é que as pessoas precisam lidar com uma série de forças que estão presentes nos seus espaços de vida, e isso tem impactos sobre o alcance da sua crítica”. A observação é de Rachel Barros, doutora em Sociologia Rachel Barros, que há mais de dez anos tem contato com as comunidades que vivem nas periferias do Rio de Janeiro, especialmente com os moradores do complexo de favelas de Manguinhos.

Entrevistas
0

Dilma diz que prisão de Lula pode ser prenúncio de adiamento das eleições

A presidenta Dilma concedeu esta entrevista numa sala do 2º andar do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, ao lado de onde estava o ex-presidente Lula. Dilma disse que ontem havia chorado. E que isso nunca acontecia com ela mesmo nos períodos duros da ditadura militar. Apesar disso, estava tranquila e confiante na força de Lula para resistir. Conversamos por mais de 1h. E 36 minutos com o gravador ligado e que resultaram nesta entrevista que você…

Entrevistas
0

“Não há guerra entre cartéis, é o Exército que está matando no México”, denuncia jornalista

Conversa com Federico Mastrogiovanni, jornalista italiano radicado no México. Leiam com atenção, pois o México de hoje nos mostra o que será o Brasil amanhã, a continuar a militarização, a entrega das riquezas naturais, destruição do sistema público de educação, a violência resultante de tudo isso. É a militarização que causa a violência, não o contrário como diz a mídia, diagnostica o sociólogo e jornalista ítalo-mexicano e arremata: o jornalismo tem que ser crítico!

Entrevistas
0

Guimarães Rosa, um inventor da língua pátria

Regina Pereira afirma que Guimarães Rosa é hoje, no Brasil, passados 50 anos de seu encantamento, que é como se diz docemente morrer na língua dele, o autor mais lido, bordado, pintado, cantado, encenado, estudado, amado, venerado.

Entrevistas
0

‘Israel não pode manipular a história e negar os direitos dos palestinos”

A história passada e recente de Jerusalém e a relevância da cidade para judeus, muçulmanos e cristãos estão no centro das atenções após a declaração de Donald Trump voltada a realizar apenas as aspirações de Israel. Sobre essas questões, entrevistamos o professor Salim Tamari, sociólogo e historiador de Jerusalém.

Entrevistas
0

Horacio Sívori: Quem é o inimigo?

O fantasma conservador que percorre o mundo não é o que parece, nem que o que se vê a um simples olhar. O antropólogo Horacio Sívori reflete sobre quem são, como operam e como enfrentar esta neo direita que combina ultraliberalismo econômico, moral conservadora e um uso criativo das redes sociais.

Entrevistas
0

“O ajuste feito no Brasil é totalmente equivocado”, afirma Belluzo

Em entrevista a Patrícia Fachim, Luiz Gonzaga Belluzo declarou que “a insistência na austeridade está sendo muito ruim para os mais pobres e que hoje existe um “trololó” no Brasil de que as economias europeia e americana estão crescendo. Porém, tal crescimento tem apenas ampliado as desigualdades”.

Entrevistas
0

Vigência do pensamento de Che Guevara

A vigência do pensamento do Che na América Latina – e no resto do mundo – se expressa, antes de mais nada, através da sobrevivência da obra da qual ele foi um dos principais construtores, ou seja, a Revolução Cubana. Entrevista com Roberto Regalado*

Entrevistas
0

“O capitalismo converte os recursos naturais em mercadoria”

“Os retrocessos são sempre possíveis sobretudo quando os avanços são alcançados, como é o caso da integração latino-americana, a partir de governos. Por isso é importante que esse processo seja acompanhado pela integração dos povos, mútuo reconhecimento e intercâmbio cultural.”

Entrevistas
0

Ilka Oliva: Foram as letras que deram voz ao vazio insondável que me habita

A escrita veio como uma catarse, como um desabafo, como uma forma de salvar minha vida, como uma última tentativa. No meu auto exílio, eu busquei a poesia para me refugiar nela. Foram as letras que deram voz ao vazio insondável que me habita.

Entrevistas
0

O povo está na luta pela sobrevivência

Teóloga feminista Ivone Gebara rejeita ideia de que o povo está insensível diante dos retrocessos: “O povo não está apático. Está na luta contínua pela sua sobrevivência”. Ela refuta também a ideia de que não existe formação política de base no país.

Entrevistas
0

“Os atuais governantes não percebem que o mundo está mudando”

Segundo a pesquisadora, o mundo está passando por um grande projeto reestruturação que tem impacto muito grande para a América Latina. “Ao invés de se adaptar, o que a América Latina está fazendo mais uma vez é reproduzir a relação de dependência com os países do norte”, afirma.

Entrevistas
0

O capitalismo divide os povos para dominá-los

Entrevista a Carlos Aznárez diretor de Resumen Latinoamericano: O capitalismo selvagem divido os povos com muros para melhor dominá-los. Mario Hernández entrevista a Carlos Aznárez* Prêmio Simón Bolívar 2017 de Comunicação. Uma homenagem que foi entregue pelo presidente Nicolás Maduro. O que significa pra você e para Resumen Latinoamericano este prêmio? Carlos Aznárez: É um reconhecimento importante vindo da Venezuela e dos companheiros e colegas venezuelanos, tanto jornalistas como comunicadores sociais. No ano passado nos…

Entrevistas
0

A cidade-mercadoria e os limites da reforma urbana

A agenda da Reforma Urbana viveu um ciclo no período da redemocratização e da Nova República que parece ter se esgotado. E os caminhos e instrumentos que construímos não conseguiram nos levar a cidades mais justas e sustentáveis.

Entrevistas
0

O drama de Higui por se defender de estupradores

Psiquiatra e psicólogo clínico, Enrique Stola prefere definir-se como “feminista, ativista político e de direitos humanos”. É perito psiquiatra na causa de Higui. Em entrevista, Stola denuncia a violência sofrida por Higui que esteve presa durante sete meses por se defender de uma patota de dez homens que tentou violá-la por sua orientação sexual. Como se não bastasse, a violência prosseguiu tanto na polícia como depois no poder judicial, instituições repletas de machismo e ignorância,…

Entrevistas
0

O macho branco europeu, com sua cultura, se autointitulou o modelo mundial, diz Sueli Carneiro

Entrevista com Sueli Carneiro, filosofa e ativista do movimento de mulheres negras. Fernanda Pompeu* Não é que a fila anda? Sueli Carneiro, filosofa e ativista do movimento de mulheres negras, foi uma das ganhadoras do Prêmio Itaú Cultural 30 Anos, neste 2017. Abaixo você pode ler uma entrevista dada por ela para mim em 2010. Foi originalmente publicada no livro Mulheres Fazendo Pazes, editado pela Associação Mulheres pela Paz. Apesar da passagem do tempo, as…

Entrevistas
0

Há que lutar pela descolonização de Porto Rico

“Devemos nos atrever a lutar até a última gota de força” Oscar López Rivera Alícia Jrapko* No marco de ato realizada no dia 31 de maio em Berkeley, em homenagem ao ex preso político porto-riquenho Oscar López Rivera, a editora de Resumen Latinoamericano nos Estados Unidos e ativa militante da solidariedade com Cuba e Porto Rico, Alicia Jrapko, entrevistou o independentista borínque. Pouco antes o lutador revolucionário fora ovacionado por 800 pessoas que lotaram a…

Entrevistas
0

A difícil reinvenção da democracia frente ao fascismo social

Entrevista especial com Boaventura de Sousa Santos Ricardo Machado* A democracia tornou-se uma daquelas palavras vazias de sentido. Como é usada para descrever tudo aquilo que não é um regime político autoritário, tendemos a não ver os tons de cinza entre o branco e negro. “Para uns, a democracia realmente existente está de tal modo descaracterizada que só por inércia ou distração se pode considerar como tal. Vivemos em regimes autoritários que se disfarçam com um…

Entrevistas
2

João Pedro Stédile: “Governo Temer já acabou. Só não caiu porque burguesia não tem sucessor”

João Pedro Stédile não é apenas uma referência fundamental do Movimento dos Sem Terra (MST), mas também integra a Frente Brasil Popular, que nesses dias se converteu no pesadelo de Temer. Por Geraldina Colotti*, no resumem Latino-Americano. Nesta entrevista, Stédile aborda a atual situação brasileira e as prováveis saídas da crise, incluindo a queda de Temer e a convocatória de eleições diretas já. Você acha que Temer pode cair? Qual seria a maneira de fazer…

Entrevistas
1

Pan Amazônia: ‘Se falta o ar, compremos os pulmões’

Lindomar Dias Padilha é graduado em filosofia, especializado em Desenvolvimento e Relações Sociais pela Universidade Nacional de Brasília e formado em Direitos Humanos. Padilha atua junto aos povos indígenas da Amazônia brasileira desde 1991. Casado e pai de dois filhos, trabalha no observatório Pan Amazônico prestando serviços de análises sobre temas relacionados à Amazônia, aos territórios, e à mercantilização e financeirização da natureza. Nayá Fernandes* Na entrevista, Padilha, que é também membro do Comitê Brasileiro…

Entrevistas
0

Balanço dos 100 dias de Trump II

O professor titular do Centro de Estudos Hemisféricos sobre Estados Unidos da Universidade de La Habana, Luis René Fernández, em entrevista ofereceu uma análise sobre os primeiros 100 dias de Donald Trump na Casa Branca. Jorge Petinaud Martínez* Observa-se, ao concluir o primeiro trimestre, uma grande consistência entre suas ações e as promessas de campanha. Luis René Fernández: Não obstante, é preciso levar em conta a complexidade do governo estadunidense –que não é só o…

Entrevistas
0

Paulo Cannabrava: jornalismo contra o pensamento único

Havana, 02 maio (Prensa Latina) – Os meios alternativos e as redes sociais constituem o único respiro à asfixia midiática imposta pelos grandes meios de comunicação, afirmou o jornalista e analista brasileiro Paulo Cannabrava, em visita a Havana. Jorge Luna* Entrevistado pela Prensa Latina, lembrou que a grande mídia, que abarca rádios, redes de televisão, jornais e revistas, foram transformados em porta-vozes do pensamento único imposto pelo capital financeiro. O diretor do portal Diálogos do Sul, com sede em São Paulo,…

Entrevistas
0

Janaína de Almeida Teles: Esqueço não

Neste mês de abril, o golpe militar de 1964 completa 53 anos. Muito tempo passado, mas também muitas perguntas sem respostas Fernanda Pompeu* Janaína de Almeida Teles, nascida em 1967, tem pedigree político. É filha de Amelinha e César Teles – dois ativistas pelos direitos humanos de longa viagem. Sobrinha da Criméia de Almeida, sobrevivente da Guerrilha do Araguaia. Irmã de Edson Teles, estudioso do período militar. Prima de João Carlos Grabois, o Joca, nascido…

Entrevistas
0

O chavismo não pode estar isento de críticas

Sociólogo venezuelano questiona a “solidariedade incondicional” da esquerda latino-americana com o chavismo. Natalia Uval* Edgardo Lander não é apenas um acadêmico, professor titular da Universidade Central da Venezuela e pesquisador associado do Transnational Institute. É uma pessoa vinculada há anos aos movimentos sociais e à esquerda em seu país. A partir disso afirma que o apoio incondicional das esquerdas da região ao chavismo reforçou as tendências negativas do processo. Sustenta que as esquerdas,que no nível…

Entrevistas
0

É tempo das mulheres no setor rural

Uma caribenha, Josefina Stubbs, pode se converter na primeira mulher a presidir o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida), cuja missão é erradicar a pobreza rural. O Fida é um órgão da Organização das Nações Unidas (ONU), criado em 1977 como instituição voltada ao investimento para beneficiar camponeses e camponesas pobres, que representam três quartos da pobreza e da subnutrição humana no mundo. Mario Osava e Baher Kamal* tem 35 anos de experiência em desenvolvimento…

Entrevistas
0

Sonegação fiscal é maior que gastos da Previdência

Combate à sonegação é suficiente para cobrir gastos com Previdência, diz especialista. Empresas deixam de pagar cerca de R$ 500 bilhões ao Estado anualmente, mesmo valor gasto na Previdência Social. Evasão fiscal impede que governo tenha acesso a recursos que poderiam ser usados em serviços públicos. Nadine Nascimento* A evasão somada à sonegação fiscal de empresas brasileiras chega a 27% do total que o setor privado deveria pagar em impostos no Brasil, o equivalente a…

Entrevistas
0

Belo Monte viola direitos dos povos do Xingu

A sociedade brasileira não tem consciência do custo social e ambiental de Belo Monte. Entrevista de Sônia Magalhães. “…Entre todas as violações geradas pela construção de Belo Monte nos últimos cinco anos, quando as obras foram iniciadas no Rio Xingu, a maior delas, “a partir da qual várias outras foram desencadeadas, eu diria que é o não reconhecimento da população tradicional”, diz a antropóloga Sônia Magalhães, membro da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência – SBPC, que coordenou, em conjunto…

Entrevistas
0

Privatização do ensino público e movimentos de resistência

O movimento de ocupação de escolas iniciado em 2015, em São Paulo, como forma de resistência a um projeto governamental que propunha o fechamento de escolas do ensino fundamental e médio, alastrou-se por todo o Brasil em 2016, como forma de resistência a projetos de reforma curricular e privatizações, impostos pelo governo federal, em particular pelo Ministério da Educação. A educação brasileira, no atual contexto, encontra-se à mercê de medidas questionáveis que visam mudanças no…

Entrevistas
1

A crise forjada da Previdência Social

Em tese de doutorado, pesquisadora denuncia a farsa da crise da Previdência Social no Brasil forjada pelo governo com apoio da imprensa. Com argumentos insofismáveis, Denise Gentil destroça os mitos oficiais que encobrem a realidade da Previdência Social no Brasil. Coryntho Baldez entrevista a Denise Gentil* Em primeiro lugar, uma gigantesca farsa contábil transforma em déficit o superávit do sistema previdenciário, que atingiu a cifra de R$ 1,2 bilhões em 2006, segundo a economista.??O superávit da…

Entrevistas
0

Carlos Aznárez: Ataque à liberdade de expressão na Argentina

Entrevista de Carlos Aznárez, diretor de Resumen Latinoamericano, depois de ter sido vítima de um ataque a sua sede no dia 31 de dezembro.  “Sofremos um ataque expropriador dos amigos de sempre” Mario Hernández* Mario Hernández: Resumen Latinoamericano sofreu um atentado. Carlos Aznárez – Sofremos um ataque expropriador dos “amigos de sempre”, pessoas que estão preocupadas pelo discurso feito geralmente pelos meios alternativos e a cada tanto atuam. Em 31 de dezembro entraram na redação…

Entrevistas
0

Carolina Vásquez Araya: Do Chile para Guatemala, uma história de lutas

Entrevista a Carolina Vásquez Araya: “para inspirar-se não há melhor entorno que nossos países em crise constante” Quisemos entrevistar outra colunista permanente de nossa mídia, a chilena Carolina Vásquez Araya Vásquez Araya, radicada na Guatemala há vários anos. Pressenza: Em que valores você se formou, quais são para você os temas mais importantes, inegociáveis, que buscam abrir passo através de suas linhas? Carolina Vásquez Araya: Nasci e cresci no Chile, um país que nos anos…

Entrevistas
6

“Elite brasileira despreza democracia. É um grupo de predadores”, diz Franklin Martins

Em 1964, Franklin Martins tinha 15 anos de idade quando o golpe civil-militar contra o governo de João Goulart virou sua vida ao avesso. Militante do movimento estudantil e repórter iniciante na agência de notícias Interpress, foi se envolvendo cada vez mais na luta de resistência contra a ditadura que teve um de seus ápices em 1969, quando integrou o grupo, formado por militantes da Ação Libertadora Nacional e do Movimento Revolucionário 8 de Outubro, que…

Entrevistas
0

“A PEC do teto dos gastos é contra o povo e a favor do rentismo”, afirma Marcio Pochmann

Em entrevista, o economista e professor da Unicamp, Marcio Pochmann fala sobre os argumentos econômicos de sustentação da PEC 241/55 em tramitação no Senado e aponta a violação do acordo político estabelecido na Constituição. Por Lizely Borges Da Página do MST  “A opção pela PEC não é econômica, embora o argumento seja econômico. No fundo, a opção é política para garantir recursos desse orçamento decrescente para o rentismo” declara o economista e Instituto de Economia e…

Entrevistas
2

Putin: Toda crise na Síria foi criada pelos EUA e seus aliados europeus

Atualizada em 28/10/2016 Entrevista do Presidente Vladimir Putin aos jornalistas do canal TF1 Tv, França. Presidente da Rússia Vladimir Putin: Como é que chegaram aqui? Nessa cidadezinha provinciana… Atualmente, encontram-se franceses onde quer que se esteja, em todas as cidades da Rússia. É muito bom. Muito nos agrada vê-los por aqui. Muitos representantes ocidentais, incluindo [secretário de Estado dos EUA John] Kerry, [ministro de Relações Exteriores da França Jean-Marc] Ayrault e até [presidente da França] François Hollande usaram…

Entrevistas
0

Moniz Bandeira: “EUA perdem na Síria e Ucrânia e se metem na AL”

Em entrevista ao Café na Política, o politólogo Moniz Bandeira, que está lançando o livro A Desordem Mundial, pela Civilização Brasileira, conclui que os Estados Unidos já perderam a guerra na Síria e na Ucrânia. Por isso, se metem agora a derrubar os governos progressistas do Brasil, Argentina e Venezuela. Esta que também é a conclusão, ao longo de sua obra de 20 livros, todas interligadas, inclusive da penúltima, A Segunda Guerra Fria, que prevê a…

Entrevistas
0

“Petrobras deixa de ser o centro do desenvolvimento industrial”

Sergio Gabrielli, ex-presidente da Petrobras  afirma que a aprovação do PL 4567/16 não atende aos interesses econômicos do Brasil. Rafael Tatemoto* Sergio Gabrielli, professor de Economia da Universidade Federal da Bahia (UFBA) e ex-presidente da Petrobras, avalia que a aprovação do Projeto de Lei (PL) 4567/2016 enfraquece a capacidade da Petrobras atuar como indutora da economia brasileira. O projeto, aprovado na Câmara dos Deputados nesta quarta (5), retira da estatal a exclusividade na exploração do…

Entrevistas
0

Centrais operárias vão se unir contra o trabalho escravo

Em entrevista a Eleonora de Lucena, da Folha de São Paulo, O ativista político e ex senador na Itália, José Luis del Roio afirma que as centrais operárias vão se unificar contra ‘patronato escravocrata’. As propostas de Michel Temer são anti-histórias, embutem violência social e forçarão a união das centrais sindicais para combatê-las. “Elas vão se unificar na luta contra essa ofensiva de um patronato escravocrata”, diz José Luiz Del Roio, 75, ex-senador italiano. Para…

Entrevistas
0

“América Latina precisa salvar sua identidade cultural”

A escritora e poetisa guatemalteca Ilka Oliva Corado* é imigrante indocumentada e vive nos EUA há mais de dez anos, concedeu esta entrevista a Eduardo Vasco do Diário Liberdade. Confira: Você está acompanhando a crise política no Brasil? Sim. Isso é um abuso contra a democracia e contra Dilma, que, junto com Lula, foram os melhores presidentes do Brasil. Processos semelhantes ocorreram recentemente no Paraguai e em Honduras. Será coincidência? Os golpes de Estado agora…

Entrevistas
0

“Esqueço não”, Janaína de Almeida Teles

Janaína de Almeida Teles, nascida em 1967, tem pedigree político. É filha de Amelinha e César Teles – dois ativistas pelos direitos humanos de longa viagem. Sobrinha da Criméia de Almeida, sobrevivente da Guerrilha do Araguaia. Irmã de Edson Teles, estudioso do período militar. Prima de João Carlos Grabois, o Joca, nascido na prisão. Historiadora e pesquisadora com livros publicados, Janaína dedica-se a procurar restos mortais dos desaparecidos políticos e a reconstituir possíveis últimos momentos…

Entrevistas
0

De volta ao século XIX afirma David Harvey

“Estamos voltando às condições de trabalho do século XIX, que é paa onde aponta o projeto neoliberal”: David Harvey Alejandra Pradro Coelho* Na crise do mercado imobiliário de 2007-2008 nos EUA, teria sido melhor dar dinheiro para que as pessoas pudessem pagar suas dívidas com os bancos e continuar em suas casas, no lugar de dá-las aos bancos que “só salvaram a si mesmos”, assevera o geógrafo britânico David Harvey. Quando se quer apresentar a…

Entrevistas
1

Leonardo Boff: “Quem vai derrotar o capital será a Terra”

Leonardo Boff participou da 15ª Jornada de Agroecologia do Paraná, que aconteceu entre os dias 27 e 30 de julho, na cidade da Lapa (PR) / Leandro Taques/Jornalistas Livres. Para teólogo, sociedade já começa a produzir alternativas de vida a partir do cuidado com a “Casa Comum”. Camilla Hoshino e Camila Rodrigues da Silva* A humanidade não será capaz de derrotar o capital, mas já começa a organizar novos padrões de sociedade que podem evitar o…

Entrevistas
2

Erundina: “A esquerda precisa mudar a forma de exercer o poder”

O Supremo Tribunal Federal demorou 141 dias para analisar o pedido da Procuradoria-Geral da República e determinar o afastamento de Eduardo Cunha da presidência da Câmara, tempo suficiente para um dos principais alvos da Lava Jato conduzir o impeachment de Dilma Rousseff. Nesse período, poucos parlamentares tiveram a coragem de desafiar o poder imperial de Cunha. O mais emblemático gesto de resistência partiu da deputada Luiza Erundina, do PSOL, que em duas ocasiões teve a ousadia de tomar a cadeira que…

Entrevistas
1

Candidata da esquerda à presidência do Peru é alvo de guerra suja dos meios de comunicação, diz deputado

Redação Após a exclusão de dois candidatos da disputa eleitoral para a presidência do Peru, o país viveu momentos de incerteza devido ao fato de que Keiko Fujimori, que lidera as pesquisas de intenção de voto, também poderia estar fora da corrida por supostas irregularidades na distribuição de dinheiro e “presentes” aos eleitores em período eleitoral. Na última semana, no entanto, a Justiça eleitoral do país decidiu que a filha do ex-ditador Alberto Fujimori não…

Entrevistas
1

Moniz Bandeira: “EUA estão agindo para desestabilizar a América Latina”

Moniz Bandeira denuncia modus operandi dos EUA para desestabilizar as democracias na América Latina. No caso do Brasil, iniciativas como a criação dos Brics e a escolha do regime de partilha para a exploração do pré-sal despertaram a ira de Washington O cientista político e historiador Luiz Alberto de Vianna Moniz Bandeira denunciou nesta terça-feira (17) que os Estados Unidos, por meio de órgãos como CIA, NSA (Agência Nacional de Segurança) e ONG´s a eles…

Entrevistas
0

A China é estratégica para a América Latina

Entrevista com a socióloga e cientista política Mónica Bruckmann, por Fernando Arellano Ortiz, de Medellín, Colômbia. América Latina desaproveita uma oportunidade histórica de desenvolver uma relação estratégica de longo prazo com a China” Mónica Bruckmann* Segundo os dados da CEPAL, em 1995 do total de exportações da América Latina para a China, 38% eram matérias primas sem valor agregado, enquanto que em 2008 o peso das matérias primas em relação às exportações total havia subido até…

Entrevistas
0

“A reforma migratória de Obama é hipocrisia pura”

Alex Anfruns entrevista a Ilka Oliva Corado* De origem guatemalteca e residente sem documentos em Chicago, Ilka Oliva Corado é uma prolífica escritora que se inspira nas lutas sociais a favor dos direitos dos sem documentos e da diversidade sexual e contra a discriminação de gênero e o racismo no coração do império. Nesta entrevista, a autora analisa a situação de seus compatriotas da “Pátria Grande” no contexto pré eleitoral de um país governado durante…

Entrevistas
0

Apolo Lisboa: Minas Gerais e o flagelo da mineração

Entrevista especial com Apolo Lisboa Por Patricia Fachin* “Ecologizar a economia’ significa subordinar as empresas e seu modo de trabalhar à sobrevivência dos ecossistemas, desenvolvendo uma política ambiental correta, em que a produção não comprometa a sobrevivência do ecossistema”, diz o pesquisador. A ruptura da barragem da mineradora SAMARCO (Subsidiária da Cia Vale do Rio Doce, a maior mineradora do mundo), em Mariana, Minas Gerais, “é apenas um dado alarmante que chama a atenção para…

Entrevistas
0

Gita Sen define este mundo feroz

Entrevista a Azul Cordo e Stephanie Demirdjian A economista e feminista indiana Gita Sen afirma que existe um desafio de criar novos contratos sociais em “um mundo feroz” Pioneira em pesquisas sobre gênero e desenvolvimento, Gita Sen é coordenadora geral da rede Mulheres por um Desenvolvimento Alternativo para uma Nova Era (DAWN, na sigla em inglês), organização dedicada à pesquisa em una perspectiva feminista. Na segunda-feira encabeçou um fórum sobre desenvolvimento sustentável no Ministério de Relações…

Entrevistas
0

Uma América Latina cheia de esperança

Maylín Vidal* Historiador por excelência, professor da Pontifícia Universidade Católica do Equador, Juan Paz y Miño-Cepeda acerta que a integração plena de América Latina é um processo complexo, mas que, finalmente, a região começou a caminhar por caminhos que levam a ela. Temos uma América Latina cheia de esperança, mas se os povos não nos mobilizamos para preservar esse caminho, corremos o risco de que tudo se reverta, alertou em entrevista exclusive à Prensa Latina,…

Entrevistas
0

Eco: “Acontecerá algo terrível antes de se encontrar um equilíbrio”

Umberto Eco* A entrevista era sobre livros, sobretudo o dele que estava para sair, e aconteceu num tempo em que esta crise de refugiados que nos entrou pelas notícias já existia mas sem o impacto destes dias – transformados pela imagem do naufrágio da humanidade simbolizado num menino morto numa praia. A entrevista Umberto Eco ao Expresso era sobre livros, mas Umberto Eco falou sobre mais – incluindo este tema que o preocupa há muito, o…

Entrevistas
0

As agências de risco estão a serviço de especuladores

O que ocorre no Brasil e contra o Brasil é uma campanha de interesses econômicos estrangeiros, devido a vários fatores, entre outros, sua inserção no banco do BRICS, com a Rússia e a China, associada aos interesses políticos domésticos, de uma oposição sem ética, sem compostura, servindo aos interesses antinacionais. O cientista político e historiador Luiz Alberto de Vianna Moniz Bandeira advertiu, na quinta-feira, 10 de setembro, para o papel das agências de risco (rating)…

Entrevistas
0

Daniela Arbex: “A gente não publica denúncia, a gente apura a denúncia”

O programa Espaço Público conversa com a jornalista e escritora, Daniela Arbex. Ela fala sobre o seu mais recente livro: “Cova 312”- sobre a longa jornada de uma repórter para descobrir a história real do guerrilheiro Milton Soares de Castro, derrubar uma farsa e mudar um capítulo da história do Brasil. No livro, a jornalista revela como as Forças Armadas mataram pela tortura um jovem militante político, forjaram seu suicídio e sumiram com seu corpo. Num trabalho…

Entrevistas
0

Crise política brasileira: o novo não surgirá imediatamente.

Patricia Fachin* Entrevista especial com Cândido Grzybowski “Estamos numa crise de hegemonia e ela se aprofundou, no sentido de que ninguém está se apresentando com condições visíveis de dar uma direção para o país”, afirma o diretor do Instituto Brasileiro de Análises Sociais e Econômicas – Ibase. “Podemos estar mergulhando em uma crise longa, e aí que está o perigo, porque não tem alternativa, não é uma crise gerada pela disputa de hegemonia, é uma…

Entrevistas
0

Para embaixador equatoriano o povo fará a integração

Vanessa Martina Silva*  Para Ramón Torres Galarza, diplomata Itinerante para Assuntos Estratégicos, integração terá continuidade ‘porque hoje povos são protagonistas da história’. Para el embaixador América Latina é contraponto a ‘desencanto do capitalismo’ São as democracias [latino-americanas] em revolução que podem mudar o mundo frente ao silêncio, frente ao desencanto, ao cinza que o capital e o capitalismo em sua crise planetária estão gerando. Que podem fazer frente a esse individualismo selvagem, esse consumismo predador,…

Entrevistas
0

Victoria Tauli-Corpuz, Mulheres indígenas reafirmam seus direitos

As mulheres em diferentes partes do mundo estão expostas à violência doméstica, sexual e de gênero, à exploração econômica, mutilações genitais e matrimônio precoce. Mas o risco para as mulheres indígenas que pertencem a comunidades aborígenes é especialmente alto. Nesse contexto, a Fundação Tebtebba defende os direitos das comunidades aborígenes e trabalha pela correta implementação da Declaração das Nações Unidas sobre os Direitos dos Povos Indígenas. Victoria Tauli-Corpuz, diretora executiva da Fundação e presidenta da…

Entrevistas
0

Cuba ainda é o grande tema na Cúpula das Américas

“O prato forte, nas duas últimas cúpulas, foi o debate sobre a presença cubana”. Nils Castro* Gilberto Lopes* Nestes últimos anos “temos visto muita manipulação da informação sobre a luta pelo poder na América Latina”, afirmou Nils Castro, assessor da chancelaria panamenha durante o governo do presidente Martín Torrijos, com quem continua trabalhando até hoje no Panamá. Em vésperas da celebração da VII Cúpula das Américas, esta semana no Panamá, Castro conversou com Gilberto Lopes, do…

Entrevistas
1

Não queremos morrer de fome nem de tédio

Jorge Luna* O escritor e jornalista uruguaio Eduardo Galeano, ao conquistar o Prêmio ALBA 2012, em 30 de janeiro passado, exclamou que não gosta de expressar suas emoções, mas não pode deixar de confessar que pouco falta para que o convertam “em campeão olímpico de salto de altura”. Este prêmio me estimula muito, disse em declarações ao jornalista Jorge Luna, correspondente de Prensa Latina em Montevideo e colaborador de Diálogos do Sul, e acrescentou: “De…

Entrevistas
0

Celita Eccher: “A educação como ferramenta de mudanças”

Entrevista a Sturla Bjerkaker – ICAE Celita Eccher é uma educadora popular e ativista feminista, resolutamente comprometida com a causa da educação de adultos e do movimento em prol dos direitos da mulher. Entre 2002 e junho de 2014 ocupou o cargo de secretária geral do Conselho Internacional de Educação de Adultos (International Council for Adult Education – ICAE), a rede mundial que representa mais de 700 organizações envolvidas na tarefa de promover mundialmente o…

Entrevistas
0

John Schimitt: “A economia deve nos servir, não o contrário”

Peter Costantini* Desde a época da universidade, John Schmitt esteve “muito interessado nas questões de justiça econômica e desigualdade econômica”. Teve um período de aprendizado dentro do movimento sindical dos Estados Unidos, onde investigou as campanhas de organização de vários sindicatos. Agora é um autor influente sobre empregos mal remunerados, que reorientou a forma como os políticos e economistas compreendem o tema. Schmitt é economista do Centro para a Pesquisa Econômica e Política em Washington.…

Entrevistas
0

João Pedro Stédile, “Golpe destamparia revolta popular”

Marco Damiani* O quadro referencial do MST João Pedro Stédile acaba de chegar do Vaticano. Pela primeira vez na história da Igreja, oficialmente um papa avaliza uma grande reunião de movimentos populares. No caso, o encontro de uma centena de entidades, pensada e organizada pelos brasileiros do MST com seus colegas de luta pelo mundo. “O papa Francisco demonstra ter consciência das mudanças que precisam ser feitas”, afirmou Stédile ao 247. Mas, de volta ao…

Entrevistas
0

“Flexibilizar o Mercosul para fortalecê-lo”

Diana Cariboni entrevista Danilo Astori, vice-presidente do Uruguai* O vice-presidente do Uruguai, Danilo Astori, um dos três principais líderes da governante Frente Ampla (FA), acredita que o próximo governo de seu país deve insistir na flexibilização do Mercosul e que a América Latina tem muito a ganhar na futura dinâmica global de grandes blocos comerciais. Astori, ministro da Economia no governo de Tabaré Vázquez (2005-2010), voltará a ocupar esse cargo a partir de março de…

Entrevistas
0

Mineradores vivem situação análoga à escravidão

Jorge Neri e Gleerlei Andrade*  “Nos últimos 14 anos, em que se mantém no poder a mesma direção sindical, os benefícios e direitos anteriores foram fragmentados. Muitos direitos foram vendidos”. Essa é a visão de Anízio Teixeira, que articula a primeira oposição sindical nos últimos 20 anos no Sindicato Metabase Carajás, no Pará, maior sindicato mineiro do país. Segundo ele, muitos acordos foram lesivos aos trabalhadores, uma afronta a CLT e a dignidade humana. Nesta…

Entrevistas
0

“Lutaremos para parar os bancos e as transnacionais”

Salvatore Cannavò* João Pedro Stedile olha a primeira página do jornal Il Fatto Quotidiano em que se vê Maurizio Landini enfrentando a polícia. “Um líder sindical sem gravata? Sério?” A piada sintetiza muito o perfil e a história desse dirigente, já de nível internacional, do movimento “campesino”. O Movimento dos Sem Terra (MST) é uma organização fundamental do Brasil, imortalizada pelas históricas imagens de Sebastião Salgado e com uma história de 30 anos feita de…

Entrevistas

Dialogando com Iatã Cannabrava

Blog Oitenta Mundos* Conversamos com Iatã Cannabrava, fotógrafo e um dos gestores culturais mais importantes da América Latina. Nesta entrevista ele nos contou como a fotografia entrou na sua vida, a importância do gestor cultural e sobre os principais festivais e fóruns de fotografia que realiza. Qual seu primeiro contato com a fotografia? Eu tinha 15 pra 16 anos de idade e morava em uma Escola Secundária Básica do Campo, em Cuba. Como sou filho…

Entrevistas
0

“O desafio é seguir lutando por reformas estruturantes”

?Iris Pacheco*?  Em entrevista à Página do MST, Alexandre Conceição, da coordenação nacional do MST, afirma que o papel da militância social nesta disputa eleitoral foi fundamental para a reeleição da presidenta Dilma Rousseff (PT), e coloca que “os movimentos sociais têm o grande desafio de seguir lutando por reformas estruturantes no Brasil”. Conceição falou ainda sobre a Reforma Agrária: “junto à luta pela Constituinte Exclusiva manteremos firme nossa luta pela terra e sua democratização…

Entrevistas
0

Putin por uma américa latina sustentável e independente

Hoje a cooperação da Rússia com os países latino-americanos é uma das áreas principais e bem promissoras de política externa. Somos unidos por um compromisso com os princípios do multilateralismo nos negócios internacionais, o respeito ao direito internacional, o reforço do papel central da ONU, garantia do desenvolvimento sustentável. Tudo isso nos torna parceiros naturais na arena internacional, nos permite desenvolver a cooperação em uma ampla gama de questões, disse o presidente Vladímir Vladímirovich Putin…

Entrevistas
1

Giorgio Agamben: A crise como instrumento de poder

Dirk Schümer* A crise continua sendo utilizada como instrumento de poder. Um império latino contra a dominação alemã? O filósofo italiano Giorgio Agamben explica sua grande e polêmica tese. Pelo que parece, foi mal interpretado. Dirk Schümer: Professor Agamben, em março desencadeou-se a ideia de uma “soberania latina” contra o domínio alemão na Europa. O senhor poderia imaginar a grande repercussão que isso teria? Enquanto isso, o ensaio foi traduzido para muitos idiomas e apaixonadamente…

Entrevistas
0

TLCs são como butim da Guatemala

Leonardo Wexell Severo* Afirma Daniel Pascual Hernandez, coordenador geral do Comitê de Unidade Camponesa (CUC) da Guatemala, denunciando que com a assinatura dos TLCs – Tratados de Livre Comércio, as embaixadas se converteram em escritórios comerciais das multinacionais. “É na presidência que está o butim de guerra, o centro das negociações das concessões, da privatização do patrimônio público”, condenou o líder sindical. DS* Como o Comitê de Unidade Camponesa analisa o momento de embates no campo…