O evento acontece no dia 27 de agosto, às 14h, com entrada gratuita e terá participação da Dra. Rosa Cardoso e outros convidados envolvidos no tema e no caso Volkswagen.

Repara jáO Memorial da Resistência, instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, realiza mais uma edição do Sábado Resistente, projeto realizado em parceria com o Núcleo de Preservação da Memória Política. O evento acontece no dia 27 de agosto, às 14h, no Auditório Vitae no quinto andar do Memorial (Rua General Osório 66- Luz).

O Grupo de Trabalho Ditadura e Repressão aos Trabalhadores, às Trabalhadoras e ao Movimento Sindical, conhecido como o “GT-13” da Comissão Nacional da Verdade coordenado pela Dra. Rosa Maria Cardoso e secretariado por Sebastião Neto, em sua contribuição ao Relatório Final da CNV, apresenta uma tipificação dos crimes cometidos contra os trabalhadores e suas organizações pelo Estado Brasileiro em conluio com o empresariado. São apontadas como se deram as graves violações contra os direitos humanos passíveis de reparação de acordo com o direito internacional.

O Fórum de Trabalhadores e Trabalhadoras por Verdade, Justiça e Reparação, diante do encerramento dos trabalhos da Comissão e da necessidade de continuidade da busca por verdade, memória, justiça e reparação, reuniu as centrais sindicais brasileiras e preparou uma Representação contra a empresa Volkswagen, aceita pelo Ministério Público Federal. O dossiê, entregue à Procuradoria dos Direitos do Cidadão, deu sequência à abertura de um inquérito civil que atualmente serve às investigações das autoridades responsáveis sobre a responsabilidade da empresa diante da prisão de operários dentro da fábrica, de um sistema de vigilância e monitoramento dos trabalhadores que permitiu a troca e cooperação intensiva dos empresários com o DOPS e outros órgãos de repressão do Estado.

A pesquisa e o processo administrativo aberto consolidam uma nova fase da atuação dos trabalhadores e suas representações sindicais no tema, inserindo o Brasil, a partir do caso Volkswagen, no rol dos países que criaram experiências judiciais e extrajudiciais de responsabilização de empresas.

PROGRAMAÇÃO

14h00 – Boas vindas – Kátia Felipini Neves (Memorial da Resistência de São Paulo)
14h10 – Coordenação – Oswaldo Santos (Núcleo de Preservação da Memória Política)

MESA REDONDA

Adriano Diogo – Presidente da Comissão da Verdade “Rubens Paiva” da Assembleia Legislativa de São Paulo. Membro da Comissão da Verdade da Prefeitura de São Paulo.
Aderson Bussinger – Assessor do Sindicato de Petroleiros do Rio de Janeiro e de Sergipe – Alagoas. Diretor do Centro de Documentação e Pesquisa da OAB-RJ.
Murilo Leal – Presidente da Comissão da Verdade de Osasco. Cientista social, professor da UNIFESP. Autor do livro A reinvenção da classe trabalhadora (1953-1964).
Renan Quinalha – Advogado e pesquisador. Trabalhou na Comissão da Verdade “Rubens Paiva” da Assembleia Legislativa de São Paulo. Autor de Justiça de transição: contornos do conceito.
Rosa Maria Cardoso – Membro da Comissão Nacional da Verdade, coordenadora do “GT-13”. Presidente da Comissão da Verdade do Rio de Janeiro. Advogada de presos políticos na ditadura militar.
Sebastião Neto – Secretário-Executivo do “GT-13” da Comissão Nacional da Verdade. Diretor do IIEP – Intercâmbio, Informações, Estudos e Pesquisas.
Representante do Ministério Público – A confirmar.

SERVIÇO

Memorial da Resistência de São Paulo
Endereço: Largo General Osório, 66 – Luz – Auditório Vitae – 5º andar
Telefone: (011) 3335-4990/ faleconosco@memorialdaresistenciasp.org.br
Aberto de quarta a segunda (fechado às terças)
Entrada Gratuita

Mais informações à imprensa
Memorial da Resistência de São Paulo
Kátia Felipini Neves – (11) 3335.4990 | kneves@memorialdaresistenciasp.org.br

Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo – Assessoria de Imprensa
Gisele Turteltaub (11) 3339-8162 | gisele@sp.gov.br
Viviane Ferreira (11) 3339-8243 | viferreira@sp.gov.br

ATENÇÃO:
Você acha nossas publicações relevantes?
Seja um apoiador dos Diálogos do Sul!
Acesse http://operamundi.uol.com.br/dialogosdosul/apoie-a-dialogos/
e faça uma doação para que a revista possa continuar existindo!